Novas taxas irão aumentar o valor do PS4

A disputa comercial entre os Estados Unidos e China afetará o preço do PlayStation. Quem informa é a própria Sony. O chefe financeiro da companhia japonesa, Hiroki Totoki, afirmou que precisará aumentar o valor do produto no varejo caso as novas taxas sejam efetivadas.

Nós acreditamos, e dissemos já para o governo dos Estados Unidos que maiores tarifas iriam prejudicar a economia da região.

No mês passado, a empresa se manifestou juntamente com a Microsoft e Nintendo contra as novas taxas. O memorando explica que 96% da produção é manufaturada na China. Portanto, seria inviável produzir hardwares em outro lugar. Aplicar embargos mais severos causaria um dano na indústria e no bolso dos consumidores.

Em maio, o presidente dos Estados Unidos aprovou a mudanças das tarifas de importação de 10% para 25%. Ainda há o risco dessa taxa crescer caso as negociações não caminhem positivamente. O chefe financeiro da Sony diz ainda não ter tomado nenhuma decisão sobre como responderia aos impostos, mas opções são estudadas.

As novas taxas seriam aplicadas em razão de uma “guerra comercial” entre Estados Unidos e China. As duas potências vêm se enfrentando em uma acirrada disputa sobre produtos importados. Ambas as nações têm se retaliado mutuamente com aumento de impostos em várias áreas.

A consequência dos custos mais elevados não chegaria somente ao bolso dos consumidores, mas também seria sentido em toda a indústria, em um efeito cascata, comprometendo toda cadeia.

As tarifas sobre consoles de videogame não prejudicariam nossas empresas somente, mas também consumidores e varejistas. Devido à profunda interdependência entre consoles e softwares de jogos, juntamente com a sensibilidade de preços dos consumidores, o prejuízo também seria desproporcionalmente aos milhares de desenvolvedores de software e acessórios de pequeno e médio porte nos Estados Unidos. Um efeito cascata de danos.

A Sony Brasil diz que paga R$ 858 (o equivalente a 390 dólares) para trazer cada unidade do PlayStation 4 ao Brasil, o que representa apenas 21,5% do total. Depois, há as margens de lucro do varejista e do distribuidor (no caso, a própria Sony Brasil), que somam 22%. Os impostos, responsáveis por 63% do preço sugerido do PlayStation 4, são os seguintes:

  • Imposto de importação: 20%
  • ICMS: 25% no estado de São Paulo
  • Margem de valor agregado: 33,54%
  • PIS: 1,65%
  • Cofins: 7,6%
  • IPI: 50%

Como as taxas são cobradas em cascata, o valor dos impostos seria de assustadores R$ 2.524. Portanto, segundo Stanley, a Sony considera que o preço sugerido de R$ 3.999 é “o mais baixo possível” no Brasil.

A tabela a seguir, divulgada pela Sony, detalha cada cálculo feito para chegar ao valor:

Mas como o XBOX ONE, que custa US$ 499 nos Estados Unidos, pode ter chegado ao Brasil por R$ 2.199, pouco mais da metade do PlayStation 4, que possui preço sugerido de US$ 399? Ao G1, Stanley diz que isso seria possível com subsídios massivos ou fabricação local. O executivo afirma ao Valor Econômico que “aumentar o nível de subsídio não seria uma opção sustentável no longo prazo”.

No blog oficial do PlayStation, Mark Stanley diz que a Sony está “fazendo todo o possível para reduzir o preço do PS4”, e que conversará com o governo para tentar reduzir as altas taxas. 

Escrito por mayckonfleshbonez

Mayckon é gamer desde os tempos do Atari,passou sua vida lendo Ação gamers e se descobrindo no universo dos jogos,passou pela geração do SNES,DreamCast,Xbox360,Playstation 1,2,3 e recentemente o 4,como produtor cultural se desenvolveu nas áreas de vídeo edição e Designer, possui um Blog voltado para danças(StreetDance)onde se desenvolveu através da media informativa e junto com a equipe NaçãoPs4Brasil se dispõe a trazer conteúdos neste radical mundo dos Gamers.

um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: