Death Stranding DISTOPIA EM DUAS DIMENSÕES

Death Stranding é a saga de um herói improvável que tem a missão de reconectar um mundo em pedaços,Um evento catastrófico mudou a face do planeta e deixou a humanidade à beira da extinção, com o tempo o fenômeno passou a ser chamado de Death Stranding. Nessa nova realidade pessoas e comunidades estão isoladas, lutando contra tudo individualmente, da chuva a estranhas criaturas. Da mente do lendário Hideo Kojima – o criador da série Metal Gear Solid e um dos maiores autores da história da indústria de games -, Death Stranding é o mais novo jogo imperdível para o PlayStation 4. O jogo conta a história de Sam “Porter” Bridges, um entregador que deve partir em uma jornada pelas ruínas do país antes conhecido como Estados Unidos da América. Ele busca, assim, reconectar as pessoas e cidades de um mundo fragmentado, tentando encontrar uma maneira de salvar a humanidade da destruição certa. Não é uma história complicada, mas sim uma distopia que leva ao limite um mundo em que as pessoas estão cada vez mais distantes umas das outras, mesmo sabendo que apenas juntos somos capazes de superar as dificuldades que enfrentamos.

images (4)

Estrelado por Norman Reedus, Mads Mikelssen, Léa Seydoux e Lindsay Wagner, Death Stranding traz o peso do talento de Hollywood para a indústria dos games. Os atores de renome não apenas dublam os personagens da trama, como também cedem a eles sua aparência. Até mesmo os premiados diretores Guillermo del Toro (O Labirinto do Fauno, A Forma da Água) e Nicolas Winding Refn (Drive) dão as caras.

 

Um novo tipo de aventura

Da mesma maneira que criou o gênero de jogos de espionagem com Metal Gear Solid, Hideo Kojima quer que Death Stranding seja o início de um novo estilo de games de ação. Controlado em 3ª pessoa, o protagonista Sam precisa explorar um enorme mundo aberto, carregando vestígios desconectados de nosso futuro em caixotes que devem ser entregues de ponto A ao ponto B. No caminho, ele enfrentará uma série de perigos, como as misteriosas e invisíveis criaturas fantasmagóricas apelidadas de BTs; grupos de bandidos que querem pôr as mãos nos itens que Sam carrega; e até mesmo a estranha chuva ‘Timefall’, que tem a capacidade de envelhecer tudo o que toca.

Os próprios cenários também servem como obstáculos para as travessias de Sam. Enormes penhascos e rios de correnteza forte são exemplos de desafios lançados pela própria natureza. Felizmente, o herói conta com uma série de ferramentas que possibilitam sua livre movimentação, como uma moto, cordas e incríveis escadas retráteis. Todos esses benefícios são essenciais para que a carga seja entregue em tempo hábil e em bom estado de conservação. Com alguma sorte, Sam pode até mesmo encontrar carrinhos que o ajudam a levar mais carga sem precisar forçar a coluna.

maxresdefault (6)

Por mais que a proposta de explorar um mundo aberto possa parecer similar à de outros jogos dos últimos anos, as maneiras como o jogador interage com o cenário em Death Stranding são inteiramente únicas. Ele pode, por exemplo, procurar por pegadas deixadas para trás por outros jogadores em suas próprias aventuras. Caso Sam encontre um grupo de bandidos, diferente do que acontece em muitos outros jogos de ação, a melhor opção pode ser encontrar uma maneira de escapar dali em segurança, sem que a carga que o herói carrega seja danificada.

 

Os personagens

DeathStrandingLista

Para criar as lindas e realistas paisagens de um mundo desolado pelo fenômeno conhecido como Death Stranding, a equipe de produção utilizou a seu favor todo o poder da Decima Engine – a mesma tecnologia gráfica desenvolvida pela Guerrilla Games e que deu vida ao jogo Horizon: Zero Dawn. A Kojima Productions chegou até mesmo a abrir um estúdio-satélite em Amsterdã, na Holanda – casa da Guerrilla Games – para que as duas empresas estivessem sempre em contato, facilitando assim o desenvolvimento do jogo.O resultado de tamanho comprometimento é evidente em todas as imagens de Death Stranding: sozinha, a beleza do mundo de jogo já é motivo suficiente para explorá-lo. Sam Bridges precisa atravessar as mais diversas paisagens, como colinas cobertas por neve e gelo, pântanos tomados pela névoa, planícies esverdeadas repletas de musgo e até mesmo profundos vales rochosos. O realismo encontrado nos visuais é ao mesmo tempo convidativo e assustador, pois através dos detalhes é fácil perceber que este é um mundo em ruínas, vivendo apenas nas sombras do que ele já foi em outros tempos.

death-stranding-mads-mikkelsen_ntk8

O realismo de Death Stranding também dá vida às performances de Norman Reedus, Mads Mikelssen, Léa Seydoux, Lindsay Wagner e dos demais atores que dão as caras ao longo da aventura. Todas as emoções sentidas pelo herói Sam Bridges ao longo de sua difícil missão vêm à tona de uma maneira bem clara através da tecnologia de animações faciais de última geração, que não deixa nenhum detalhe escapar.

UOL_Playstation_03_texto_v2

 

Fonte :Content_Lab Uol

 

 

 

Escrito por Fabio Gallani

Amante de Games desde a infância, fã das Franquias Resident Evil, Castlevania e Zelda. Fundador do Grupo e Pagina NAÇÃO PS4 BRASIL no Facebook. Fundador e Redator chefe do Site Nação PS4 Brasil. PSN ID : FabioGall

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: